Statement 2016 (EN)

In my artwork I investigate the spatial possibilities of drawing. I render relationships between two-dimensional and three-dimensional space, with a special focus on structures and objects that collapse/expand, fold/unfold, and that are portable when closed. Intertwined with this research, I reflect on our relationship with nature and what we define as such, in an increasingly manipulated and constructed environment, conditioned by culture.

I build portable and nomadic structures that can acquire several configurations and adapt to different spaces and places. Working in a variety of formats such as large size installations, works on paper, books or fabric works, I incorporate into the work’s narrative the potential of each piece to be manipulated and transformed.

Catarina Leitão, 2016

Dendrograma (PT)

Um projecto sobre a portabilidade, o desenho no espaço, repouso/agência e a ideia (intraduzível) de freedom of display .Dendrograma | Tree-kit é o produto de uma pesquisa sobre as possibilidades do desenho no espaço. Composta por módulos de madeira pintada, esta peça funciona como um desenho tridimensional que incorpora os efeitos de luz e sombra que se projectam nas superfícies do seu contentor — o espaço de exposição.

Dendrograma é um Kit, as suas peças modulares são ramos transformados que se encaixam uns nos outros e podem ser montados como uma tenda. Este processo torna a obra portátil e mutante: pode estar fechada ou aberta, em repouso ou a actuar no espaço quando manipulada por um participante. Este Kit condensa três momentos: um inicial, de repouso e portabilidade (fechado, bidimensional), o acto performativo (abrir, instalar), e o corpo expandido (aberto, tridimensional). Continue reading

Biblioteca Natural (PT)

A sala é o armário / o armário a biblioteca.
A biblioteca é o livro / o livro o armário.

O livro abre / o desenho expande.
O desenho abre / o armário expande.

Artefactos factícios, estes livros/elementos desta Biblioteca Natural fazem parte de um mundo hipostático construído por uma personagem-autora. A exploração continuada da fina (?) membrana que separa o dentro do fora, o eu e o outro, o humano e o não-humano, a investigação das tensões exoráveis que atribuímos às dualidades natural/artificial e ideia/forma suscitam a suspeita de que não há nada que tenha nome ou representação que não tenha já sido domesticado pela força combinada das nossas imaginações. O armário e o vestido, o que guarda e o que reveste, são também as nossas ferramentas de contacto. Através deles definimos a nossa forma e o seu negativo. Abri-los, despi-los, é também interiorizar o que está fora. O livro é absorvente. Continue reading

Dendrogram Mini Version (EN)

A work on portability, 3D drawing, stillness/action and the freedom of display

Dendrogram | Tree-kit (Mini Version) was made during the process of creating a large piece titled Dendrogram | Tree-kit.

Dendrogram | Tree-kit is a product of a research on the possibilities of drawing in space. Composed of painted wood modules, the piece is a three-dimensional drawing that incorporates the effects of light and shadow on the container’s surfaces — the exhibition space. Continue reading

Uplift (EN)

In my artwork I investigate the spatial possibilities of drawing. I render relationships between two-dimensional and three-dimensional space, with a special focus on structures and objects that collapse/expand, fold/unfold, and that are portable when closed. Intertwined with this research, I reflect on our relationship with nature and what we define as such, in an increasingly manipulated and constructed environment, conditioned by culture. Continue reading

Systema Naturæ (EN)

Systema Naturæ, an installation/drawing project, is a fictional botanical study. The title refers to Linnaeus’ book: Systema naturæ per regna tria naturae, secundum classes, ordines, genera, species, cum characteribus differentiis, synonymis, locis (System of nature through the three kingdoms of nature, according to classes, orders, genera and species, with characters, differences, synonyms, places), written in 1735. In this text, the author marks the starting point of consistent use of binomial nomenclature, establishing a hierarchical classification of the natural world. Continue reading

Systema Naturæ (PT)

Systema Naturæ é um projecto de instalação e desenho que, partindo de uma investigação no campo da ciência botânica, propõe a adição de elementos ficcionais à lista das espécies conhecidas.

O título refere-se à obra Systema naturae per regna tria naturae, secundum classes, ordines, genera, species, cum characteribus differentiis, synonymis, locis, publicado por Lineu em 1735. Neste tratado o autor estabelece uma classificação hierárquica das espécies e concebe um sistema que divide a natureza em três reinos. O livro constitui o momento inaugural da nomenclatura binominal, o método hoje universalmente aceite na atribuição do nome científico a espécies. Continue reading

Natureza Domesticada (PT)

Na cidade, a natureza, manifesta-se em parques, jardins, caixas de cimento com plantas, árvores que nascem de orifícios nos passeios, relvados e recriações de jar-dins dentro de edifícios públicos. Em casa, a “natureza” aparece em pequenas miniatu-ras de vasos com plantas, plantas nos parapeitos das janelas e jarras com flores. Por-que é que se constroem estes pedaços de natureza? Será que funcionam como elementos decorativos da cidade? Ou funcionam como pequenos oásis na paisagem urbana? Continue reading

Tamed Nature (EN)

In cities, nature exists in parks, gardens, large concrete planters, trees growing from openings on the sidewalk, lawns and gardens recreated inside public buildings. In one’s own home, nature appears in miniature plots of potted plants, window displays and flower jars. Why do we build these samples of nature? Do they function as decorative elements in the city? Are they little oases in the city setting? Continue reading